Atletas da oficina de Karatê do Cuca/Uefs representarão o país em mundial na Irlanda

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Twitter 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

20190808_145312 20190808_150038

Karatecas da oficina de karatê do CUCA/UEFS representarão o país no 5º Campeonato Mundial de Karate JKS, que acontecerá nos dias 23, 24 e 25 de agosto, no National Indoor Arena, em Dublin, na Irlanda.

Gabriel Moura, Lara Beatriz e o Professor, Adriano Araujo, viajam nesta terça feira, com destino a Dublin para integrarem a Seleção Brasileira de Karatê JKS. Eles serão acompanhados por outros 20 baianos, que formam a base do Time Brasil, que terá um total de 42 atletas de várias regiões do País.

Segundo o Professor da oficina e responsável pela preparação dos Baianos, Adriano Araujo, está será a primeira vez que contaremos com a presença de atletas do CUCA numa competição fora do país. A oficina do Cuca já teve atletas convocados em outras oportunidades, porém sempre ficavam de fora pela falta de patrocínio. Desta vez, com o apoio do Projeto Pro-Esporte, da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, os alunos conseguiram viabilizar suas participações.

Lara Beatriz é uma das mais jovens da delegação nacional, com apenas 10 anos e relata estar ansiosa para realizar o sonho de representar o país numa competição internacional. Ela é a atual Campeã Estadual e Nacional de Kata e kumite da sua categoria.

Gabriel Moura, que já é faixa preta e conta com um currículo recheado de conquistas a nível estadual e nacional, disse estar contando os minutos para estar disputando entre os melhores atletas do mundo. Apesar de já ter um título internacional, o de Campeão Panamericano de 2017, em evento realizado no Brasil, disse estar muito esperançoso em fazer bonito em terras estrangeiras.

Adriano, que também participará como atleta, é um dos mais experientes da Seleção Nacional e irá disputar o seu 5º Campeonato Mundial, e conta com 01 medalha de ouro, conquistada em Luzern, na Suíça, em 1997 e mais 06 medalhas de bronze, obtidas nos mundiais de 2011, em Edimburgo, 2013 em Tokyo e 2016 em Glasgow.

Os treinamentos dos atletas foram realizados de forma mais intensiva, junto com os demais baianos na academia Astekas, desde o mês de maio, seguindo ciclo de treinamento, organizado pelo professor que é formado em educação física pela UEFS e pós-graduado em Fisiologia do Exercício.